Uma aula de história de Londres no lugar em que ela aconteceu

Quando minha mãe veio me visitar em Londres pela primeira vez pesquisei todos os programas que eu ainda não conhecia para fazer com ela, principalmente em relação à história de Londres. Me chamou a atenção o Churchill War Rooms, o centro de comando do governo britânico na Segunda Guerra Mundial, que eu nunca tinha visitado nem ouvido falar. Não é uma atração muito divulgada, e por ser paga, as pessoas acabam não dando muita bola. Afinal, tem tantas atrações grátis incríveis em Londres! (veja este post com 10 museus de Londres gratuitos e menos conhecidos que valem a visita)

Fiquei intrigada com a localização do museu, em Whitehall, o equivalente à Esplanada dos Ministérios no Reino Unido, bem no centro de Londres e perto de Downing Street (a residência do Primeiro Ministro) e de St. James’s Park (parque belíssimo e excelente opção para um pique-nique no verão). Pensei: “como é que tem um museu bem ali naquele centrão e eu nunca tinha reparado?” Fomos lá conferir.

O museu: aula de história de Londres

Churchill War Rooms é um bunker de verdade. No último dia da guerra ele foi fechado e nunca mais tinha sido aberto até há poucos anos atrás, quando o local foi transformado em um museu (parte do Imperial War Museums). Está tudo lá, do jeito que foi deixado em 1945: móveis, mapas, estratégias, telefones.

O local não é propicio a boas fotos: é escuro e a maioria das salas é protegida por vidro. De qualquer forma, compartilho aqui as fotos que tirei em minha última visita.

Sala de reunião no Churchill War Rooms, Londres

Esta sala é a primeira que se vê ao entrar. Foi arrumada da mesma forma que se fazia quando havia reuniões ali

Sala de reunião no Churchill War Rooms, Londres

Outra sala de reuniões e despachos

Churchill War Rooms, Londres

Sala dos mapas (e telefones!), onde ficava toda a documentação

Regras para entrada na sala de mapas

Regras para entrada na sala de mapas: “Qualquer informação recebida não pode ser divulgada fora”

Churchill War Rooms, Londres

Detalhe da sala dos mapas: Alemanha demarcada

Churchill War Rooms, Londres

Estatísticas de guerra na sala de controle

Churchill War Rooms, Londres

Tipos de alarmes que poderiam soar, como o de ataque aéreo

Churchill War Rooms, Londres

Corredores do CWR: um bunker de verdade

Guarda no Churchill War Rooms, Londres

Guarda (de cera) protegendo a entrada de uma das salas

Uma das grandes curiosidades sobre o Cabinet War Rooms (ou Sala de Guerra do Ministério, seu nome na época em que existiu) é o fato de ele se encontrar bem no centro nevrálgico da cidade e do próprio governo, o que fazia dele um alvo bem provável para os bombardeios alemães. No entanto, o lugar nunca foi descoberto nem atingido.

Esquina de Whitehall e Downing Street

O CWR fica bem perto de Downing Street, a residência oficial do Primeiro Ministro

Outra surpresa são os quartos onde dormiam Churchill e seus ministros. Ora, em época de guerra não se vai para casa depois do trabalho. Ainda mais se você for o primeiro-ministro e tiverem bombardeando a cidade.

Entrada dos aposentos do Primeiro Ministro, CWR

Entrada do apartamento do Primeiro Ministro

Aposentos do Primeiro Ministro, CWR, Londres

Quarto ou sala de trabalho?

Cozinha do apartamento de Winston Churchill

Cozinha improvisada do apartamento de Churchill

Ao final da visita ao CWR chega-se ao contíguo Churchill Museum, uma exposição muito bem produzida sobre o primeiro-ministro que comandou o Reino Unido durante a Segunda Guerra. Grande parte dos displays é interativa, então você pode ouvir Churchill falar, browsear suas épocas de vida projetadas em uma mesa e assistir ao seu enterro. Dependendo do seu interesse você pode passar entre uma e três horas lá dentro.

Ah, a loja do museu é cheia de objetos vintage e coisinhas interessantes relacionados ou não com a guerra.

Informações práticas

Como já falei, a entrada do CWR é paga e custa £17,50 (ou £15,90 sem a doação voluntária de £1,60). Crianças até 16 anos entram grátis. Também achei o preço salgado e fui perguntar o por quê. A justificativa dada é o fato de o espaço não receber nenhuma subvenção do governo, e depender dos ingressos para sobreviver. Achei estranho, já que o governo britânico investe muito em cultura dentro e fora do país.

Eu consideraria a visita ao CWR um investimento em sua própria cultura. Você sairá de lá rico de conhecimento, principalmente se curte história do século XX. Se estiver com as crianças, elas vão adorar o passeio subterrâneo. E o audioguia está incluso no preço do ingresso, apesar de o português ser de Portugal.

Combine sua visita com um passeio no St. James’s Park ou em Westminster.

Você pode comprar seu ingresso antecipadamente no site do nosso parceiro Visit Britain, o órgão oficial de turismo no Reino Unido*.

Churchill War Rooms – Clive Steps, King Charles Street. Metrô mais próximo: Westminster e St James’s Park

Como chegar

Veja no mapa abaixo a localização exata do CWR:


View Larger Map

*O blog recebe uma comissão sobre essa venda, mas você não pagará nada a mais por isso.



About

Multiplicando o amor por Londres desde 2011


'Uma aula de história de Londres no lugar em que ela aconteceu' have 10 comments

  1. 07/03/2014 @ 4:25 pm Dalia

    Curti o passeio virtual ao CWR aqui no blog mesmo. Valeu!

    Reply

  2. 08/03/2014 @ 1:16 pm Luis

    Visitei esse museu em 2004 e adorei.

    Reply

    • 12/03/2014 @ 2:01 am Deb

      Que legal, bom saber!

      Reply

  3. 13/03/2014 @ 3:29 pm Marta Weber

    Deb, conheci agora, aqui no seu blog o Museu CWR, puxa um bunker de verdade! Incrivel. As fotos ficaram muito boas, apesar do seu comentário ref escuridão do local. ADOREI !

    Reply

    • 13/03/2014 @ 5:30 pm Deb

      Este lugar é realmente surpreendente. Uma pena ser pago (e relativamente caro), acho que todo mundo deveria conhecê-lo.
      Que bom que você não achou as fotos muito ruins!
      Beijos,
      Deb

      Reply

  4. 18/03/2014 @ 6:18 pm Fernanda Scafi

    Estive lá em 2010 e adorei! O CWR está incluso no “London Pass”, que pode ser muito útil se o turista organizar bem o roteiro como eu fiz.

    Reply

    • 19/03/2014 @ 12:14 am Deb

      Oi Fernanda, obrigada pela visita. Bom saber que mais gente curtiu o CWR!
      beijo,
      Deb

      Reply

  5. 26/08/2015 @ 5:55 pm O que fazer em Londres - Segredos de Londres

    […] Na minha humilde opinião os melhores museus de história e ciências de Londres são: British Museum (Museu Britânico), Museum of London (Museu de Londres) e o Science Museum (Museu da Ciência). O Natural History Museum (Museu de História Natural) faz muito sucesso com as crianças, principalmente pela réplica gigante da ossada de um dinossauro (o Dyplodocus), além do próprio edifício, que é espetacular. Abro parênteses para um museu de história pago, cujo ingresso, para mim, vale cada centavo: o Churchill War Rooms, saiba mais sobre ele neste post. […]

    Reply

  6. 30/08/2015 @ 1:58 pm Como comprar ingressos para atrações em Londres - Segredos de Londres

    […] Churchill War Rooms – atração imperdível para amantes da História, é o local onde o governo britânico funcionou durante a 2ª Guerra Mundial, minuciosamente conservado desde que foi desativado em 1945. O local abriga também o Churchill Museum. Leia o nosso post sobre o Churchill War Rooms. […]

    Reply

  7. 17/05/2016 @ 12:31 am Francisco

    Estive no CWR em abril desse ano e posso garantir que vale cada libra paga. Imperdível!

    Reply


Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.

Segredos de Londres: multiplicando o amor por Londres desde 2011